QUANDO UM LÍDER DA IGREJA PERDE A VERDADEIRA ESSÊNCIA DA PREGAÇÃO DA PALAVRA DE DEUS, E FAZ DA CASA DE ORAÇÃO NEGOCIATAS E CONCHAVES POLÍTICOS.

                    As igrejas de um modo geral, são entidades construídas para encontros religiosos, uma identificação com o ser cristão,  o local para evangelizarmos, fazermos correntes de orações, elevarmos nossos pedidos a Deus, nos encontramos com a nossa fé, e nos restabelecermos com nossas condutas, onde procurarmos buscar o perdão dos nossos pecados através do contato direto com Jesus Cristo pela nossa fé, ligadas através das nossas preces para sermos atendidos com nossos pedidos, por isto são denominadas como a casa de Deus.
                    A religião salva? Não, A igreja salva? Também não, mas, os nossos atos são dignos, ou da salvação, ou da nossa condenação, no entanto devemos obediência ao nosso verdadeiro pai, merecedor de toda a nossa honra para termos a sua gloria, o nosso eterno salvador Jesus Cristo, e a igreja, por ser a casa de Deus, devemos respeito, e zelo, para que esteja sempre pronta para a vinda, e a entrada do altíssimo, pois ali Jesus habita, quando da obediência, da fraternidade e da comunhão com ele, que deu a sua vida para nos ver livres do pecado, e vencermos a morte, tanto que Jesus disse com suas palavras, onde estiver dois ou três em meu nome lá estarei, prova que ele não está ali pelo imóvel denominado como igreja,  mas pelas ações dos seus fieis, aonde Deus opera sua maior obra, que é a salvação.
                    Esta é a verdadeira essência da palavra de Deus pregada por seus discípulos, abrangendo toda a igreja, és de que Jesus disse, ide, e pregai-vos o Evangelho a todas as criaturas, foi uma forma bem redundante de dizer, faça da igreja a minha casa, e ensina o meu povo a obedecer-me, mas não é isto que está se pregando na casa de Deus, que ultimamente está ficando vulnerável as ações do inimigo, e os interesses comerciais, está sendo uma pratica devastadora no meio dos fiéis, tanto que a igreja hoje está dividida entre a razão de ser, e a dúvida de acreditar. Há quem diga, que em encontros da juventude em retiros da igreja, certos pregadores, velhos lobos disfarçados na pele de cordeiro, declarou uma falsa visão, onde em sua explanação ao grupo de jovens, mas de pessoas inteligentes, dissera que estava tendo uma visão, que Deus o tinha mostrado a saída para os problemas ali existentes, e que anjos apareceriam no meio daqueles jovens, e que seriam enviados do altíssimo, diante da falsa profecia do lobo pregador, aparece então políticos com horários e cartas marcadas, para tentar implantar nas cabeças dos jovens, que a corrente do mal teria que ser aceita por eles, e ai começava os trabalhos de conchavos políticos para infiltração nos trabalhos da igreja, na tentativa de que a juventude aceitasse aquela imoralidade, como obra e aparição divina, contratos de shows com cantores gospel famosos, foram contratados para exaltar o nome de políticos, e sofrerem o constrangimento de estar advertindo, cuidado com os lobos que devorarão suas almas.  

                    No meio desta nuvem negra que cobre a verdadeira essência da igreja, o que se ver são alguns dirigentes, pastores, missionários, que da obrigação de pregarem a palavra de Deus, por todas as congregações, estão mascarando a imagem da igreja, e vendendo os seus fiéis em conchaves políticos, fazendo da palavra de Deus, uma indução aos fiéis, e da igreja corporativa, um balcão de negociatas e manobras polítiqueiras, onde a profecia se tornou uma pratica ludibriosa,  e os eventos religiosos servem como palanques para apresentações de políticos, e seguimentos partidários, com o intuito de que os fiéis, sirvam de objetos de trocas de favores, para serem vendidos em acordos eleitoreiros. Esta pratica está se enraizando aqui na nossa cidade de Zé Doca, mas como a ação sempre traz uma reação, a igreja está dividida, e revoltada porque o verdadeiro fiel, que conhece e prega verdadeiramente a palavra de Deus, não aceita que esta pratica inescrupulosa seja implantada dentro da casa de oração, que foi feita para servir ao senhor, não aos políticos. Como disse Deus em Êxodo para Moisés, versículo 13, levanta-te pela manhã cedo, e põe-te diante de Faraó, e dize-lhe: Assim diz o senhor, o Deus dos Hebreus, deixa o meu povo ir para me servir.
                    Mas, o que estamos vendo na maioria das igrejas das assembleias de Deus, determinada por alguns de seus pastores é que na maioria querem impor o regime ditatorial diante de suas negociações políticas com posições mais ditadoras ainda, é uma filosofia totalmente diferente, do que ensinou Jesus aos seus discípulos e ordenou a Moisés, que resume em um tom escandaloso de corrupção, vinde a mim os fiéis, para servir o meu candidato, com promessas mirabolantes que se perdem no acumulo recebido, com prejuízos para as almas no dia do arrebatamento. Esta negociação está sendo praticada nas igrejas da nossa querida cidade de Zé Doca, mas o povo está de olho nestas ações repudiadas feitas pelos membros da cúpula de pastores, não pelos fiéis, mais infelizmente assim procede algumas igrejas evangélicas das assembleias de Deus, mas que nem os jovens esclarecidos nem os fiéis obreiros, estão aceitando, e a igreja tende a ver os seus conceitos para com os seus seguidores.     

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo