O empresário Eike Batista foi transferido para Bangu com a cabeça raspada e usando uniforme de detento

Policia
Quanto vale a liberdade de um homem?, Os milhões, podem não representarem nada quando a sua moral fica sobre suspeita e julgamento, ai percebemos que, o mundo que sustenta a ostentação e o poder, são pequenos diante de uma perda de liberdade e uma vida exposta ao escândalo, um check mate na vida bandida.
    O fim deste episódio tem capítulos que começam uma história diferente na vida de um homem que já deteve dinheiro e poder, um dos mais ricos empresários do Brasil, Eike Batista, deixou hoje o presídio Ary Franco e foi transferido para Bangu, na Zona Oeste do Rio. Dois detalhes chamaram a atenção: ele estava com a cabeça raspada e com o uniforme de presidiário, isto significa que, em pé de igualdade aos demais detentos, onde a riqueza não tem nome e nem sobre nome. 

O mega empresário Eike Batista já estava considerado foragido na Alemanha, mas aceitou se entregar na manhã de hoje no aeroporto do Galeão assim que desembarcou, ao ser abordado pela polícia, foi conduzido já como preso, ele não foi algemado por não oferecer resistência.

Eike, saiu do aeroporto com escolta policial, o empresário ficou na Cadeia Pública Bandeira Stampa, conhecida como Bangu 9, conforme acordo feito com os advogados dele, que temem pela falta de segurança. Como Eike Batista não terminou o curso de engenharia, não teve direito a cela especial, veja como é a vida, a maior preocupação do empresário, foi mesmo juntar fortunas, e esqueceu da educação, assim são a maioria dos homens poderosos e ricos deste país.

Acompanhe-nos também, pelo WhatsApp e Facebook 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo