Crime de conjunges: esposa mata marido e escreve carta com pedido de perdão à filha

Polícia 
Nunca se sabe com quem se vive, as vezes desprezamos as pessoas por achar que elas são incapazes, submissas, ou até ver nelas uma pessoa sem maldade ou sem atitudes, e muitas vezes de onde menos espera-se é que saí as maiores atrocidades.

O caso que aconteceu foi de uma frieza extrema, e um plano que talvez já vinha sendo traçado a muitos dias, uma mulher resolveu matar seu próprio companheiro, mesmo que exista uma cumplicidade, um gostar, mais tudo acaba quando as ameaças passam a ser agressões, e o que era amor acaba virando ódio.
Mulher mata marido e deixa carta de perdão à filha
Foto meramente ilustrativa
    O caso a seguir, aconteceu na noite desta terça-feira (07) na cidade Contagem mais precisamente no bairro Bom Jesus, região metropolitana de Belo Horizonte, Uma mulher de (42 anos de idade) decidiu matar a tiros o próprio marido, que ainda não foi divulgado por fontes da polícia ou outras testemunhas, o motivo do crime.

Mas, ouvindo algumas partes, a filha do casal disse já ter presenciado por algumas vezes o seu pai Jorge Antônio Lopes Campos, de (45 anos de idade) batendo em sua mãe, a autora do crime.

Ainda de acordo com as palavras da filha do casal, o corpo da vítima foi encontrado em uma cama, com a arma ao lado, e para não deixar tantos questionamentos com relação ao assassino, ficou uma carta escrita a punho que também foi deixada na residência.

O conteúdo da carta estava o seguinte pedido, filha, disse a mãe, peço-te perdão pelo crime, mas realmente confesso, eu não podia mais aguentar viver apanhando do meu marido, e em detalhes informa o Tempo para a filha escrito na carta a qual não obtivemos acesso.

E no depoimento, a filha do casal revelou ter visto mesmo por inúmeras vezes, e ter presenciado as agressões do pai com a sua mãe, mas também não procurou fazer registros. Nem se quer um B O.

A carta e a arma foram apreendidas, pela polícia, mas a suspeita fugiu, e até o momento a polícia não sabe onde ela está

Acompanhe-nos também, pelo WhatsApp e Facebook e em muito breve Instagram e Twitter. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo