O que está acontecendo com nossa cidade? crimes, violência roubos insegurança, mudam a rotina da cidade de Zé Doca

Polícia
Uma cidade que um dia já foi de uma tranquilidade absoluta, hoje vive marcada pelo descaso, pelo medo e pela falta de segurança, já foi o tempo que o cidadão comprava um objeto, e podia chamar de seu, e o pior, sua vida pode ser perdida, por um simples celular, quanta banalidade na vida de um ser humano.
      Registros apontam que o caos se instalou de vez em Zé Doca, mesmo com a presença da polícia nas ruas, mas, os bandidos insistem em desafiar as autoridades, e implantam o terror diariamente pelas ruas, bairros e avenidas, difícil acreditar, mas, são vidas ceifadas por um celular, um tênis, e até por não ter nada, pode sofrer ações de meliantes.
,
Segundo informações passadas através de grupos de whatsApp, e muitas postagens nas redes sociais, conta-se de um latrocínio que aconteceu nesta quinta-feira (23), em frente a academia 40 Graus, segundo o que foi anunciado, trata-se de um jovem que estava praticando suas aulas de musculação na referida academia, e conforme o que fora esclarecido pela proprietária, o mesmo era seu cliente, e ao terminar suas atividades, estava na esquina em direção talvez de sua casa, quando surpreendentemente foi abordado por um marginal, que lhes tomara o celular, e não consta de reações, mas, o bandido acabou por disparar um tiro na cabeça, a vitima ainda chegou a ser socorrida por Sidiley, a proprietária da academia, mas, o mesmo não resistiu e veio a falecer.

Informações extra oficiais, nos repassa que a vitima era neto do senhor Zé Correia, um homem muito conhecido na cidade, ele trabalha como magarefe, e a vitima segundo o que nos foi repassado, estava de férias, ele morava em Espirito Santo,  e foi identificado por Luis Carlos do Espirito Santo, mas estas informações ainda são extra-oficiais, o Blog informará logo assim que sair qualquer outra informação.

Mas a violência não parou por ai, os bandidos estão atacando em forma de arrastões, e já tem registro de que pessoas foram atacadas, no Bairro São Francisco, e também na Vila do BEC, e segundo comentários, as vítimas foram agredidas e sofreram ferimentos de objetos cortantes. a situação está desesperadora, os alvos mais desejados dos bandidos são os celulares, as pessoas estão aflitas com medo de serem violentadas estando ou não com os aparelhos, a insegurança faz as pessoas clamarem por justiça, e um regime mais severo, para punir os infratores.

      No meio de toda confusão, ainda há registro de um acidente envolvendo uma caminhonete S-10 e um animal tipo jumento, que estava andando livremente pela pista, e em um local escuro e sem sinalização. Será mesmo mesmo que a bruxa anda solta?.
Tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo, e como se não bastasse a onda de assaltos não param na cidade de Zé Doca.



Acompanhe-nos também, pelo WhatsApp e Facebook breve no Instagram e Twitter. 

Um comentário

  1. SOU MORADORA DO BAIRRO NOVO HORIZONTE, SOBRE OS ANIMAIS VENHO HA MESES SENDO PREJUDICADA NA MINHA RESIDENCIA PELOS ANIMAIS : JUMENTOS MAIS DE 20, O GADO É DO PROPRIETÁRIO OSMAR, QUE FUI ATÉ A RESIDENCIA DELE FALAR SOBRE A RETIRADA DO GADO QUE VAGUEIA TODO O BAIRRO RUA POR RUA, E VÁRIOS ACIDENTES JÁ FORAM LIVRAMENTOS DE DEUS,ELE ME OUVIU E DISSE QUE SE EU QUISESSE ELE ME DARIA ARAME FARPADO PARA CERCAR MINHA RESIDÊCIA. FUI A PROMOTORIA, A PROMOTORA ME PEDIU PRA LEVAR FOTOS E O ENDEREÇO DO PROPRIETÁRIO DO GADO, MAIS ACABEI DESISTINDO POR MEDO DE REPRESÁLIA, FUI AO ESCRITÓRIO DO BAIRRO QUE É DO PROPRIETÁRIO NINITO QUE ME REPASSOU A INFORMAÇÃO QUE O SENHOR OSMAR NÃO PODE COLOCAR GADO SOLTO E QUE NÓS PROPRIETÁRIOS DEVEMOS DENUNCIAR, E ELE SE PRONTIFICOU A SER UMA DAS TESTEMUNHAS POR TER SIDO PREJUDICADO PELO GADO QUE COME AS PLANTAS.A SECRETÁRIA DE VIGILÂNCIA ANO PASSADO ALEGOU FALTA DE LOCAL E VEÍCULO PARA RECOLHER OS ANIMAIS E MULTAR OS PROPRIETÁRIOS, ESPERO RAPIDEZ QUE AGORA TOMEM PROVIDENCIA. NÃO FOI O PRIMEIRO ACIDENTE EU JÁ VI 2 ANO PASSADO FOI UM CAVALO EM FRENTE O SANTA LUCIA CONSTRUÇÕES

    ResponderExcluir

Topo