Preso novamente em São Luís, o empresário Pacovan por crime de agiotagem e lavagem de dinheiro

Polícia
Os crimes de agiotagem, tem sido o maior divisor de águas para as malhas corruptíveis principalmente para políticos, que usam do esquema para custearem suas campanhas, e pagam até três vezes o valor com dinheiro público. 
      Já foi uma ação deflagrada antes, mais os crimes não pararam por este desafio, o agiota Josival Cavalcante da Silva, (O Pacovan) e uma quadrilha especializada em lavagem de dinheiro foram presos pela Polícia Civil, na manhã desta quinta-feira (4), numa ação da polícia. 
Certamente os trabalhos de inteligencia das polícias não pararam, e a ação faz parte da operação “Jenga” que foi deflagrada em São Luís, Itapecuru e Zé Doca.
Na operação,os policiais estão cumprindo cerca de 22 mandados de prisão, dos quais 14 já foram executados com sucesso.
Uma investigação minuciosa da Polícia Civil descobriu esquema de lavagem de dinheiro em postos de gasolina da região metropolitana de São Luís com movimentação que passa de R$ 100 milhões.
Por ser um montante significativo, há suspeita de que se trata de lavagem de dinheiro de esquemas de corrupção em prefeituras. A Polícia Civil divulgará os detalhes da operação em entrevista coletiva hoje à tarde, na Secretaria de Segurança Pública, muitas coisas ainda estão por vir, e o resultado sairá em breve.
Nos acompanhe e fiquem informados.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo