Alô Ministério Público: A saga continua na educação de Carutapera, e Prefeito André Dourado Descumpre Decisão Judicial!

Educação
Virou moda a desobediência por parte dos gestores do (PR), que não cumprem determinações Judiciais, onde fica a autoridade do Poder Judiciário? onde fica fica as determinações propostas pelos Juízes? e o funcionário do povo, agora é quem dita as regras? isto é uma vergonha.

O Caso: 
     Como é de conhecimento de todos, os servidores da educação de Carutapera, tem sido massacrados, desrespeitados, humilhados e perseguidos pela atual gestão de André Dourado (PR), que por falta de dialogo e compromisso, abriu campo para uma greve histórica no município, onde professores e a classe da educação reivindicavam seus direitos, onde culmina com muitas arbitrariedades deste desgoverno, o que é pior, é que diante da imposição do gestor, ainda foi articulado desconto nos salários por faltas, diante da greve.

O descumprimento da decisão:

      Diante da situação proposta, os servidores ganharam na justiça o direito de não ser aplicado o desconto nos vencimentos dos profissionais da educação de Carutapera, tendo em vista que o ato da greve era legitimamente dentro da lei, Mas mesmo sendo notificada, a Prefeitura de Carutapera efetuou o pagamento dos professores referente ao mês de agosto, nesta sexta-feira, 01 de setembro. Mas, apesar da decisão judicial que não autoriza o desconto das faltas no período da greve, muitos professores tiveram seus salários reduzidos por determinação do chefe do Poder Executivo. 

A fórmula encontrada pelo prefeito para enfraquecer o movimento não funcionou. Pois, isso revoltou ainda mais os professores que prometem se manifestar contra a onda de humilhações e perseguições aos profissionais da educação que tomou conta de Carutapera-MA, neste ano de 2017, com a administração do prefeito André Dourado.

O descumprimento da decisão judicial demonstra que é um desrespeito ao poder judiciário por parte de alguém que administra e deveria ser o primeiro a dar exemplo no âmbito das relações entre as instituições e os poderes constituídos.

Segundo se apurou, a Diretoria do Sindicato que representa os professores SINTEP/CARU, deverá averiguar as medidas cabíveis para que essa situação dos descontos dos professores seja revertida, e que a prefeitura pague integralmente seus vencimentos, e que o descumprimento, seja visto com punições.

Na cidade, é quase unanimidade a opinião de que os professores de Carutapera passam pelos piores momentos da sua carreira profissional, com forte descontentamento e indignação diante da postura da atual administração municipal, que nunca enganou quando no gesto dos dedos em forma de tesoura, já pre-anunciavam, que seu governo seria de cortes e desordens administrativas.

Este gesto já avisava, nossa gestão vai ser de turbulências, perseguições, cortes de proventos, e retiradas de direitos, e em pouco tempo, a marca de um governo que não cumpre acordos, nem determinações, e o jeito (PR de governar).


Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo