Encontrado Hoje enterrado no quintal de sua casa, corpo da menor Allana que estava desaparecida e padrasto continua foragido

Polícia
Chega por fim as buscas da menor Allana, o corpo da menina foi encontrado no quintal de sua casa no Maiobão e há fortes de indícios de que tenha passado por agressões antes de ser morta, e seu padrasto está na linha de investigação como principal suspeito.   
      Depois de muitas buscas e momentos de muito desespero, a polícia encontrou na manhã, desta sexta-feira (03) por volta das 09:00h o corpo da menor Alanna Ludmilla, de 10 anos de idade, o corpo da criança,estava enterrado em uma cova rasa no quintal da casa onde ela morava, no Maiobão. Segundo a PM, tudo indica que ela foi morta e enterrada desde quarta-feira, dia (01), em que foi anunciado pela mãe Jaciene Borges o misterioso desaparecimento da filha.

Muitas pessoas se envolveram nas buscas e com correntes de orações, na esperança de encontra-la com vida, o que não foi possível, a Polícia trabalha agora na localização do autor ou autores do crime. É provável que a menor tenha sido violentada e depois assassinada, o que deverá ser periciado  e desvendado pela equipe de peritos da polícia. 

Tido como principal suspeito, o padrasto, sumiu desde ontem, o que deixa mais questionamentos e fortes evidências de que tenha sido ele um dos autores, ou o autor do caso bárbaro que chocou o Maranhão. 

Com a notícia da morte da criança, o clima na rua do Maiobão é de comoção e revolta. 
Qualquer nova informação, passaremos, aguardem.


Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo