PSDB no Maranhão está desalinhado nas mão dos comunistas e madeira pede intervenção nacional

Política
Por Gilberto Lêda 
Diante do cenário político no Maranhão, PSDB está procurando junto a direção nacional, maneiras de fazer intervenção no diretório estadual, haja vista a divisão que racha o partido hoje, onde alguns membros são aliados do partido comunista.
      Procurando por um rumo no partido, o ex-prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira (PSDB) solicitou à direção nacional do PSDB intervenção no diretório do partido no Maranhão.
Em um documento de quatro páginas, ele diz que os tucanos maranhenses estão “a reboque do PCdoB” – cujo seu principal líder, o governador Flávio Dino, já declarou que votará em Lula na eleição de 2018 – e defende mudança de rumos para “resgatar a linha política do PSDB”.
“É nocivo para o PSDB a influência que o PCdoB do Maranhão exerce, relegando nosso Partido ao papel de figurante”, argumenta.
Entre o pacote de exigências, Madeira pede, também, a suspensão de uma convenção estadual do partido, inicialmente marcada para o dia 11 de Novembro.
Reação
Para tentar articular uma reação, os tucanos ligados ao atual presidente da sigla, o vice-governador Carlos Brandão, realizaram hoje (1º) um almoço em São Luís.
Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo