PSDB, PPS, DEM, PSB articulam em fazer Aliança no plano nacional que poderá ter reflexos no Maranhão

Política
As articulações em torno de possíveis alianças, já estão sendo desenhadas e articuladas no âmbito nacional, e estes prováveis acordos, poderão ter reflexos decisivos nas eleições do Maranhão, onde o cenário terá novos protagonistas.
     Começam os trabalhos de alianças, e o momento é de articulações partidárias e vendo este momento de conversações, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB) quando descansa, está carregando pedras para formalizar no plano nacional uma ampla aliança que inclua em seu projeto presidenciável o PPS, DEM e PSB. Se conseguir, também,  regionalizar a intenção, o palanque de Flávio Dino automaticamente sofrerá uma baixa nada animadora.

As prováveis articulações já se deu na convenção do PSDB em São Paulo, no último domingo, onde o governador Paulista ficou satisfeito com as presenças das lideranças nacionais das três siglas partidárias, e a simpatia que nutrem pela provável aliança. As três agremiação têm musculatura eleitoral e tempo razoável de TV.

Uma abertura para conversas está se clareando, mas o objetivo de Alckmin é regionalizar a aliança, levando seu partido, o PSDB a apoiar candidatos do PPS, DEM e PSB que estiverem bem posicionados na disputa por cargos majoritários nos estados.

No caso do Maranhão, o senador tucano Roberto Rocha (PSDB) figura em todas as pesquisas entre os três nomes que pretendem disputar o cargo de governador, com Flávio Dino pela reeleição e Roseana Sarney querendo retornar ao comando do estado.

Até o momento, e já nesta data, (15),  a tendência é que as três siglas se engajem no projeto de Flávio Dino, que tem o cofre maior e o bolo mais atrativo de cargos para oferecer.

Porém, nada está definido, e não há problema que a nacional de cada agremiação não resolva no diálogo ou na intervenção, como aconteceu recentemente com o PSDB maranhense, que terá candidato próprio e deixará de ser um partido de aluguel do Palácio dos Leões.
Fonte: Luís Cardoso
Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo