Presa no Pará, quadrilha que explodiu o Banco do Brasil em Zé Doca, tendo um Militar envolvido

Polícia
O ano novo começou com uma cena de terror, medo e explosões, quando quadrilhas fortemente armada, detonaram o Banco do Brasil.
      No último dia 04 de Janeiro, uma cena de terrorismo foi feita em Zé Doca, onde bandidos fortemente armados tomaram conta das ruas e tomaram de assalto o Banco do Brasil, foram longas e temíveis  horas de tiroteio, bombardeio, e muito terror. 

Mas, após nove dias de investigação e busca, a Polícia Civil do Maranhão prendeu os integrantes da quadrilha que explodiram a agência do Banco do Brasil de Zé Doca. Dentre os bandidos, um policial militar do Pará. Participaram das prisões a Seic, Delegacia Regional de Zé Doca, Polícia Civil do Pará por intermédio do DRCO, GPE e Delegacia de Capitão Poço.


      A operação começou nas cidades Capitão Poço – PA e em  Belém, onde foram presos Tharllys Romão de Souza, Jean Eder Coelho Costa, Rodrigo Medeiros Alves, Wellington Bezerra Pereira, Gabriel Souza da Silva, Ednizo Santos da Cruz, Francisco de Assis Pereira e o policial militar do Pará, Phellipe Carvalho Coimbra.

Com o bando foram apreendidas duas escopetas calibre 12, dois revólveres calibre 38 e entorpecentes. A polícia acredita na participação de mais envolvidos, e participantes na quadrilha de assaltantes.
Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo