Tudo seria mais fácil se não fosse a resistência do milionário esquema da industria farmacêutica, Raiz que pode matar o câncer em 48 horas não é divulgada

Dicas de saúde
      Existe fatores no mundo da indústria farmacêutica, que impedem avanços da medicina alternativa, com plantas que curam até mesmo o câncer, e que não são divulgadas pelo forte comercio e interesses de poderosos no mundo da indústria da saúde. A medicina alternativa é cada vez mais o centro das atenções. Ela tem sido alvo de investigações e interesse por parte de médicos e cientistas por todo o mundo.

Um exemplo disso é o dente de leão. Recentemente, os pesquisadores descobriram que a raiz dessa erva pode ter uma grande importância na cura do cancro!

Descobertas importantes, relatam que ela fortalece o sistema imunológico, para além de curar o cancro melhor do que a quimioterapia. Segundo a médica Carolyn Hamm, do Centro Regional de Câncer de Windsor, o dente de leão foi o único “tratamento” que obteve resultados com a leucemia mielomonocítica crónica. Essa doença costuma afetar pessoas idosas.

John Di Carlo, de 72 anos, era um paciente com cancro internado num hospital. Ele foi mandado para casa, para aproveitar os seus últimos dias com a família, depois de todos os esforços para tratar a sua leucemia falharam.

Ele foi aconselhado a beber chá de raiz de dente de leão… era a sua alternativa restante. Essa deveria ter sido a primeira opção, pois o seu cancro entrou em remissão apenas quatro meses depois de ele começar a consumir aquela planta! Os médicos atribuíram a cura ao chá que ele bebeu.

Estudos recentes têm mostrado que o extrato de dente de leão pode ter um efeito muito rápido nas células cancerosas, como vimos no caso de Di Carlo. 48 horas após entrarem em contacto com o extrato, essas células começam a desintegrar-se.

Mas essa planta também tem benefícios para outros tipos de cancro tais como o de mama, cólon, próstata, fígado e de pulmão! O dente de leão não tem um gosto tão agradável como outros chás. Só que certamente é mais agradável do que viver com os efeitos colaterais da quimioterapia ou radioterapia.

Esse tipo de tratamentos agressivos contra o cancro prejudicam o sistema imunológico, matando todas as células, mesmo as mais saudáveis. A raiz dessa erva tem o efeito oposto. Ela ajuda a impulsionar o seu sistema imunológico e tem como alvo apenas eliminar as células “doentes”.

Mas a doutora Hamm aconselha toda a gente a consultar o seu médico antes de o consumir, pois pode interferir com outros tratamentos.

A raiz também é rica em antioxidantes e vitamina C, que são essenciais para ajudar seu corpo a combater infecções. Se não conseguir consumir essa erva amarga, misture-a num batido e beba de manhã.
Fonte: Naã Ramos
Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo