Enquadrado: Homem que estuprou criança de cinco anos foi preso em Codó

Estupro
      Mais um caso de estupro que não fica em pune, e em uma ação da polícia, foi preso em Codó na casa em que morava há 12 anos, no bairro Codó Novo,  Márcio Brandão Campos, mais conhecido como  Mineiro.

A polícia o conduziu a 4ª Delegacia Regional  onde recebeu voz de prisão da delegada Maria Tecla Cunha porque existia contra ele um mandado em aberto desde  novembro de 2005, expedido pela justiça de Caxias.

O acusado é suspeito de ter “Violentado uma criança de cinco anos e, por conta disso foi expedido um mandado de prisão, o que foi cumprido e agora ele já está a disposição, inclusive  da Justiça da Comarca de  Caxias, Aldeias Altas município de Caxias. A Informação que temos é nesse sentido, a vítima estava bem pacífico, se encontrava em casa, quando tomou conhecimento foi conduzido pra delegacia e aqui recebeu voz de prisão”, disse a delegada em entrevista a TV Mirante.

Como se deu o fato
Em maio de 2005, diz o processo judicial ao qual tivemos acesso, Mineiro foi acusado pelo Ministério Público de ter estuprado sua enteada de apenas cinco anos de idade no momento em que ela estava em um balneário da cidade de Aldeias Altas  onde morava com a mãe da garota.

Quando descoberto e questionado pela companheira disse apenas que a criança havia caído num toco e por isso sangrava. A Justiça recebeu a denúncia e a partir de então Mineiro fugiu de Caxias e só agora foi capturado.

Um documento mostra que foi por causa da fuga do chamado distrito da culpa, ou seja, município onde o crime foi praticado,  que a Justiça decretou a prisão preventiva. Márcio Brandão Campos já foi levado para o presídio de Codó e agora aguarda transferência para Caxias onde voltará a ficar à disposição da Justiça respondendo pelo crime de estupro de vulnerável.

Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo