Enjaulado: Polícia fecha cerco e põe atrás das grades Monstro suspeito de executar e matar uma família inteira

Polícia
Por Geovane Silva
      Fica cada vês mais violento e absurdo, os crimes cometidos por pessoas que têm uma mente doentia e agem como verdadeiros psicopatas, que dentro do seu desequilíbrio, fazem coisas extremamente absurdas.  Em uma operação conjunta, desencadeada pelas Delegacias Regionais de Polícias Civil de Açailândia e Pedreiras culminou na prisão de um foragido da justiça identificado como, Francisco Messias da Silva Filho, vulgo “mãozinha”, condenado a 16 anos de prisão pela prática de um cruel homicídio ocorridos no ano de 2015, na cidade de Esperantinópolis/MA.


O acusado cotem uma lista interminável de crimes. Em desfavor do suspeito também havia um mandado de prisão preventiva em aberto. Ele estava foragido desde 2016 por ser o principal suspeito de ter matado uma família inteira (marido, mulher e um filho do casal).

De acordo com o Delegado Regional de Açailândia, Dr. Murilo Pedroso Lapenda, a barbárie ocorreu no dia 17 de março de 2016, nas imediações do Povoado Centro do Meio, na zona rural daquele município.

Durante essa operação, foram cumpridos todos os mandados de prisão que se encontrava em aberto em desfavor de “Mãozinha”.

A prisão foi possível em decorrência do esforço conjunto das regionais de Açailândia e Pedreiras, que vinham realizando o monitoramento do investigado até conseguirem ter êxito na prisão do mesmo.

Francisco Messias da Silva Filho foi encaminhado para a Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Açailândia, onde ficará a disposição da justiça.

Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo