Eleições 2018: Flávio Dino é governo de um lado só, Diz Roseana em sabatina

Política
      A conclusão feita pela ex-governadora Rosena, é que um governo não pode ter lado, mas que; tem que governar para o povo, principalmente um governo de inclusões sociais. A ex-governadora Roseana Sarney (MDB) condenou hoje (27), durante participação na Sabatina O Estado, o que considera seletividade da gestão Flávio Dino (PCdoB) em relação à aplicação de recursos nos municípios maranhenses.

Para Roseana, o comunista privilegia aliados em detrimento de adversários políticos, uma forma errada de administrar.
“Esse governo tem um equívoco muito grande. Você não é eleito governador de um lado, de um partido ou grupo político, mas sim governador de todos os lados. Eu não era uma governadora de uma parte dos maranhenses, eu era de todos. Me sentia privilegiada por isso. Não se pode beneficiar aliados e prejudicar os demais”, disse.
Ela citou nominalmente os exemplos dos prefeitos de Imperatriz e São Pedro dos Crentes, que fazem oposição ao Palácio dos Leões. Para a emedebista, ambos são perseguidos.
“O prefeito de São Pedro dos Crentes, por exemplo, que está sempre nas redes sociais, é perseguido. O prefeito de Imperatriz também é perseguido, porque você não mandar recursos para a saúde do município, é perseguição”, concluiu.
A cobertura completa da entrevista de Roseana Sarney você acompanha em O Estado.
Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo