Tráfico: Mulher é presa ao tentar entrar no presídio com 28 ‘pedras’ de maconha na vagina em Coroatá

Tráfico
      A entrada de entorpeceres nos presídios, estão ficando cada vez mais audaciosos e até o meio de condução, desafia os perigos de contaminações, usando partes intimas para transporte da droga. 

A Polícia Civil informou que uma mulher identificada como Silvânia da Cunha dos Santos, foi presa ao tentar entrar no presídio de Coroatá com droga nas partes íntimas. A maconha estava dentro de uma camisinha e, segundo a Polícia Civil, seria levada para os detentos.

A polícia já vinha desconfiando do transporte em deposito humano, e com o apoio do setor de inteligência da Unidade Prisional de Coroatá, a Polícia Civil já suspeitava da ação e cumpriu a decisão judicial que autorizou realização de busca pessoal na envolvida no esquema.

Depois de presa, Silvânia da Cunha foi conduzida ao Hospital Macrorregional e, após exames, constatou-se que ela levava 28 cápsulas semelhantes a maconha nas partes íntimas.

A mulher foi levada para a Delegacia de Coroatá, onde foi autuada por tráfico de drogas pelo delegado plantonista, Gilvan Lucas, e está à disposição da Justiça do Maranhão.

Acompanhe nossa página e fiquem informados de tudo

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Topo